Significado de bodas de ouro

O significado de bodas de ouro é bem popular. Isso porque há anos se comemora a data simbolicamente com grandes festas e homenagens. Afinal, as bodas de ouro celebram cinco décadas de união.

O casal com 50 anos de casamento e de convivência tem muita história para contar e, principalmente, muito o que festejar. Por isso, é comum a festa das bodas de ouro ser comemorada com a participação de muitas pessoas da família e amigos queridos que participaram dessa trajetória de vida.

Simbolismo das bodas de ouro 

Os aniversários de casamento são representados por diferentes tipos de materiais. Por exemplo, 1 ano de casamento são bodas de papel. Dois anos são bodas de algodão e assim, por diante.

O ouro é um metal valioso, considerado um bem de alto valor. Por isso mesmo foi o escolhido para representar os 50 anos de casamento. Afinal, nada mais precioso que uma união estável e duradoura.

Alianças de ouro entrelaçadas
O ouro foi escolhido para simbolizar a resistência e preciosidade de um casamento de 50 anos (Foto: depositphotos)

Para entender mais, você conhecerá agora a origem do ouro e como ele é transformado.

Origem do ouro

Embora muito se pesquise, não há uma explicação oficial da origem do ouro. Os cientistas acreditam que ele vem das profundezas da Terra. Sabemos que o nosso planeta tem três camadas: crosta, manto e núcleo. 

O ouro teria sua maior concentração no manto, uma região totalmente inacessível aos homens. O ouro, bem como os outros metais mais comuns como ferro, alumínio ou cobre, estaria na crosta, simplesmente por conta de erupções vulcânicas que teriam “empurrado” esse metal mais para a superfície.

Isso teria acontecido há mais de 200 milhões de anos, quando o continente começou a se separar em um fenômeno conhecido como pluma do manto, uma espécie de racha da crosta. O ouro e os outros metais teriam se transferido do manto para a crosta e assim, enriquecido a parte mais acessível para o homem.

Ainda assim, essa teoria explica como o ouro chegou às camadas mais próximas do homem que tornou a sua extração possível. No entanto, ainda não afirma de onde o ouro teria surgido.

A explicação para isso é dada por cientistas do Massachusetts Institute of Technology (MIT), um dos mais respeitados centros de ciências do mundo, que fica nos Estados Unidos.

Uma equipe de pesquisadores acredita que o ouro foi criado a partir de explosões de nêutrons geradas por uma colisão entre estrelas e um planeta. Mais especificamente entre estrelas e Reticulm II, uma galáxia-anã que fica a 98 mil anos-luz da Terra. 

Segundo os estudiosos, essa galáxia é riquíssima em metais, inclusive o ouro. E seria esse choque o responsável por trazer esse metal valioso para a terra, por meio de asteroides. Sendo assim, a origem no ouro viria do espaço e ao cair na terra teria ido para suas profundezas, restando apenas pouquíssimas concentrações mais próximas à superfície.

Características do ouro

O ouro é um metal extremamente valioso e raro. As características dele, o fazem assim. Não é à toa que ele representa uma união de 50 anos. E podemos dizer que suas peculiaridades muito têm a ver com um casamento. Veja a seguir a relação entre eles. 

Raridade 

O ouro é um metal raro. Uma pesquisa feita pelo Laboratório de Pesquisa Geológica Experimental de Alta Pressão, da Universidade Dalhousie, no Canadá, afirma que a concentração média do ouro na crosta da Terra, onde vivemos, é de apenas 4 partes por um bilhão. Isso o torna, raríssimo.

Um casamento de 50 anos de convivência também é assim, muito raro. Dedicar 5 décadas de amor, respeito e união realmente é algo raro e digno de celebração. Portanto, é totalmente compreensível que esse metal precioso tenha sido escolhido para essas bodas.

É maleável 

Você sabia que o ouro pode tornar-se maleável? Isso mesmo. Sob altas temperaturas, o ouro é um metal que pode adquirir muitas formas. Por isso, é natural tantos objetos adquirirem formas maleáveis, como anéis, cordões e todo tipo de adereço e peça. Sabemos que existem louças, altares e até elementos decorativos feitos com esse metal. 

Assim também podemos comparar essa característica ao casamento. Os casais que convivem tanto tempo juntos são praticamente unânimes em afirmar que um dos segredos para tanto tempo de convivência é a maleabilidade. Ou seja, o saber ceder, abrir mão dos seus próprios interesses e saber realizar os desejos.

Não se oxida

O ouro é um metal que praticamente não se oxida. A oxidação é a reação química em que átomos, íons ou moléculas perdem elétrons. Assim, os metais podem sofrer oxidação, porém o ouro é um elemento altamente resistente a esse processo.

Sua alta resistência e durabilidade fazem com que o ouro seja compatível com um casamento de 5 décadas. Pois, uma união sólida é aquela que não se desgasta durante o passar dos anos e que é forte o suficiente para vencer as dificuldades do dia a dia. 

Brilhante

O ouro é um metal brilhante e precioso. Com o tempo, ele pode perder um pouco desse brilho, mas nada que um bom polimento não traga de volta a sua essência. 

Assim também é o casamento. O seu brilho deve ser constante e, por meio dele, iluminar a vida de toda a família. Um amor sólido e duradouro tem esse poder de emanar luz para todos em volta e abrir caminho para a felicidade.

Puro

O ouro é um metal puro. Para extraí-lo uma longa lista de ações deve ser feita. Portanto, quando mais puro mais valioso. 

As bodas de ouro refletem bem essa característica. Um amor puro é capaz de durar muitas décadas e gerar inúmeros momentos inesquecíveis, graças à relação fiel, carinhosa e dedicada que o casal cultiva.

Melhor significado de bodas de ouro 

Em síntese, o melhor significado de bodas de ouro é aquele que prova que o amor resiste ao tempo e é capaz de perdurar por décadas com muito carinho, respeito e dedicação.

Os 50 anos de casamento é uma data importante que merece mesmo ser remetida a um metal tão raro e precioso como o ouro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *